Notícias
Campanha contra a fome

Para ajudar as pessoas que estão na linha de vulnerabilidade social neste momento delicado, os jornais do Grupo Sinos lançaram uma campanha para estimular a doação de mantimentos. A sugestão é de que as doações sejam encaminhadas às unidades do Banco de Alimentos em Novo Hamburgo, São Leopoldo e Canoas. A organização está irmanada com os jornais NH, VS e Diário de Canoas nesta iniciativa que busca atenuar o drama das pessoas que estão sendo impactadas pela redução da atividade econômica.


Com o isolamento provocado pela pandemia de coronavírus, os estoques das unidades do Banco de Alimentos precisam de todo apoio. Para isso, é possível fazer o encaminhamento dos produtos ou então doações em dinheiro por meio de depósitos bancários em contas específicas de cada unidade do Banco de Alimentos.


Além de um editorial de capa na última segunda-feira destacando a iniciativa, os jornais NH, VS e Diário de Canoas também já publicaram matérias específicas sobre os bancos de alimentos de Novo Hamburgo, São Leopoldo e Canoas, relatando a situação e a prioridade de cada um deles, bem como divulgando endereços e números das contas bancárias para que a população possa ajudar. Ao longo da campanha, outros conteúdos especiais serão publicados para estimular a corrente do bem. A Rádio ABC 900 e o Jornal de Gramado também estão engajados.


Como forma de ampliar ainda mais a ação, o Grupo Sinos está sugerindo que os demais veículos de comunicação do Rio Grande do Sul também façam essa mobilização que tem como objetivo ajudar os gaúchos que mais estão sofrendo com a crise que afeta todos os segmentos da sociedade, em especial os que

estão na linha de vulnerabilidade social.


No ano passado, o Grupo Sinos atuou em parceria com a mídia estadual na estruturação da campanha “1 Segundo Contra a Violência, Você Decide se ela Avança”, que permitiu à população contribuir com ideias para auxiliar na redução dos indicadores criminais do Estado. Agora, mais uma vez, a imprensa se volta para esta missão social de auxiliar quem mais precisa.